Fábio Araújo destaca ‘’Operação Contágio’’ deflagrada pela Polícia Federal em seu gabinete e se coloca à disposição da justiça

por Lucivania Marques publicado 09/11/2021 19h11, última modificação 09/11/2021 19h11

O vereador Fábio Araújo (PDT) usou a Tribuna da Câmara de Rio Branco nesta terça-feira, 9, para afirmar que já se colocou à disposição da justiça após ser alvo da 2º fase da "Operação CONTÁGIO", deflagrada pela Polícia Federal no Acre na última semana. A PF cumpriu mandado de busca e apreensão no gabinete do pedetista desde o início desta sexta (05). 

Na Tribuna, o parlamentar salientou que solicitou por mais de uma vez a oitiva junto ao delegado que preside o inquérito, mas que até o momento não houve retorno, e que desta vez pediu uma oitiva junto ao juiz que autorizou o cumprimento de mandados de buscas e apreensão.

“Estou e sempre estive à disposição da verdade e da justiça. Não fui alvo de mandado e sequer fui notificado. Pedi aos meus advogados que pedissem uma vez a oitiva junto ao delegado que preside o inquérito, mas até o momento não nos deu retorno. Me coloco à disposição para esclarecer os fatos”, salientou.

Em seguida, o vereador falou de sua experiência em licitações e conduta profissional nunca questionada. "Trabalho no ramo de consultoria em licitações há mais de 10 anos, tenho mais de 1.500 licitações abertas e nunca fui condenado em um processo licitatório. Trabalhei em vários municípios, tenho especialização na área e por isso quando subo nesta tribuna para fazer uma denúncia, como essa que o Ministério Público está investigando das dispensas de licitação da Zeladoria, faço com conhecimento de causa.", pontuou.

Ao final, enfatizou que segue firme em seu mandato. "Quero reafirmar meu compromisso de continuar trabalhando pela população por meio do mandato lutando por melhorias, apontando irregularidades encontradas na gestão e cobrando cada dia mais soluções para nossa cidade. Esse foi o papel que nos foi confiado quando a população de Rio Branco nos elegeu vereador. Quero reafirmar também que estou empenhado e fazer o que estiver ao meu alcance, enquanto vice-presidente da CPI do Transporte Público, principalmente na questão técnica assim como todos os processos que chegarem nessa Casa.", concluiu.

 

 

 

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.