Comissão da Mulher Advogada é homenageada pela Câmara Municipal

por Victor Augusto Farias publicado 05/09/2019 18h57, última modificação 05/09/2019 18h57

A comissão da Mulher Advogada foi homenageada na manhã de hoje, 05, pela câmara municipal de Rui Branco.  O requerimento foi de autoria da vereadora Lene Petecão (PSD) com o intuito de agradecer o importante papel que cumprem na sociedade, com a luta diária em defesa das mulheres.

“Eu poderia trazer a OAB interira, mas o recorte que eu quis fazer foi exatamente de mulheres (...). A nossa luta é igual, nós trabalhamos em defesa das mulheres constantemente (...). então nunca é demais refletirmos sobre as condições das mulheres na sociedade e no direito também (...). Isso é um grande desafio em todas as carreiras e nós temos que continuar com esse grande desafio que é estabelecer pelo menos a igualdade de gênero”, pontua a vereadora.

 A coordenadora de Políticas de Mulheres do governo Gladson Cameli e presidente da Comissão das Mulheres da OAB/Acre, Isnailda Gondim explicou que lutam pelos direitos das mulheres na sociedade de uma forma geral e que seguem as diretrizes da Comissão Nacional da Mulher Advogada que além de defender as prerrogativas da mulher advogada, quando são violadas, mas também de garantir a participação na política. “Nós também defendemos essa bandeira (...). Outra bandeira da nossa comissão tem sido o enfrentamento da violência contra a mulher”, disse Inailda.

Isnailda relatou que a criação do aplicativo Botão da Vida, que permite que mulheres que passem por ameaça ou agressão enviem alerta para a polícia, surgiu dentro da comissão da mulher advogada, de onde saiu a minuta que foi apresentada para a elaboração do Projeto de Lei na Assembleia Legislativa. Segundo a coordenadora o aplicativo vem sendo apresentado em todo o Brasil e existe possibilidade de que ele faça parte do Sistema Único de Segurança Pública. “Ele é uma conquista nossa, de nós mulheres acreanas”, destacou Gondim.

 

A presidente da Associação Brasileira das Mulheres Advogadas – Comissão do Estado do Acre, Alexandrina Melo também fez uso da fala. Ela relatou que são 34 anos de atuação na advocacia e que precisou se afastar por três anos por causa de um câncer. A advogada se disse honrada com a profissão que é muito exigente para a mulher. “Nossa profissão é muito exigente, nós pagamos caro por sermos advogadas (...), mas é uma honra ser advogada e eu quero ser até o último dia”, frisou.

Finalizado a homenagem a vereadora Lene Petecão disse ser importante a discussão da política direcionada as mulheres no parlamento municipal. “Não tem sentido eu estar aqui se a gente não discutir essa pauta. Eu não quero ter vindo para a política para sair vazia, eu quero um dia ter orgulho de subir a essa tribuna, ter brigado pelas pessoas que confiaram 3.2110 votos na minha pessoa”, falou ela.

error while rendering plone.comments